quarta-feira, 4 de maio de 2011

Luta nas Classes - Bernarndo Jablonski e Ronald Fucs

Por: Bruna K.

Luta nas Classes - 1001 Maneiras de Detonar seu Professor
Autores: Bernardo Jablonski e Ronald Fucs
Ilustrações: Nani
Editora: Caravansarai
240 páginas
Ano: 2009

Esse livro merece: 

| Compre | Skoob | 

As pessoas entram na escola pra aprender não é mesmo? Então faça um teste. Pegue um livro, qualquer livro. Abra uma página, qualquer página. Ponha o dedo numa linha, qualquer linha. Leia a frase que está lá. Por exemplo: "A primeira missa foi rezada em..." (...) Agora peça para seu pai ou sua mãe completar a sentença. Que vexame! Nenhum dos dois sabe! E olha que os dois passaram com boas notas na escola, como fazem questão de te esfregar na cara sempre que você tira uma nota baixa.

É assim que começa o livro de Jablonski e Fucs, dois ex-professores com nome de cientistas que criaram uma teoria para a origem da vida. (Lembra de Oparin e Haldane? Nem eu...) 
Vejo tooodo mundo falando que o livro é bobo e não sei mais o quê. Pode até ser bobo, mas é divertidíssimo! Além disso, é extremamente fácil de ler. A divisão por assuntos e tópicos facilita muuito a leitura, é como se fosse uma prévia a quem folheia o livro de que ele veio pra facilitar sua vida escolar, rs. 
Contando desde o que levar pra aula (tudo menos o material escolar), passando por mentiras para justificar o dever de casa em branco até piadinhas clássicas, pegadinhas a la Silvio Santos e dicas para aquela vadiagem malemolente. Tem até ilustração pra você aprender direitinho.
Em Luta nas Classes as dificuldades da relação professor versus alunos são tratadas de forma divertida e leve, mesmo sendo psicologia reversa, rs. Assim, você pode ler o livro de duas maneiras: a) como um verdadeiro manual de como enlouquecer seu professor e aprender a ainda assim salvar sua pele no fim do ano letivo e b) como um manual do que não fazer e ser o aluno querido do professor e o nerd-puxa-saco pro resto da turma. 
Infelizmente, com ou sem manual, mesmo não querendo mais continuo sendo a pseudo-nerd-chata-puxa-saco. E olha que eu ando me rebelando contra o sistema, rs. 
Dei muitas risadas com esse livro e ainda mais com aquelas coisinhas típicas de alunos inocentes que não sabem que estão incomodando (aqui leia coisas que eu faço). 
Recomendadíssimo pra quem quer uma leitura leve e divertida. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário alimenta nosso blog, então aproveitem esse espaço e digam o que estão achando. :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...