quarta-feira, 14 de novembro de 2012

{Eu li} Eu Sou O Número Quatro, de Pittacus Lore!


Heeeeey Lorienos 
Se existe um livro muito misterioso, desde seu autor até a contra capa, e sua história em si, é esse livro.
Aposto que algumas pessoas já viram o filme como eu, mas eu digo, o filme segue o livro só até metade, depois é tudo diferente. E, se mesmo assim, o filme é ótimo, imagine o livro .. Com vocês.. I am Number Four 




Sinopse do Skoob: "Nove de nós vieram para cá. Somos parecidos com vocês. Falamos como vocês. Vivemos entre vocês. Mas não somos vocês. Temos poderes que vocês apenas sonham ter. Somos mais fortes e mais rápidos que qualquer coisa que já viram. Somos os super-heróis que vocês idolatram nos filmes e nos quadrinhos — mas somos reais. Nosso plano era crescer, treinar, ser mais poderosos e nos tornar apenas um, e então combatê-los. Mas eles nos encontraram antes. E começaram a nos caçar. Agora, todos nós estamos fugindo. O Número Um foi capturado na Malásia. O Número Dois, na Inglaterra. E o Número Três, no Quênia. Eu sou o Número Quatro. Eu sou o próximo."

Primeiramente vamos falar sobre o autor, Pittacus Lore, no encarte do livro apenas diz que ele é um Ancião a quem foi confiado a história dos 9 lorienos e que seu paradeiro é desconhecido.. Só isso não é? haha Muito mistério até nisso.

Já que estou falando sobre o mistério em volta dele vamos falar um pouco mais sobre a história. O livro começa como o filme, o Cêtan (que é como se chama o guardião dos lorienos) sendo morto e falando para o número 3 correr, e ele corre a 90 km/h meeeeeeeesmo. Mas apesar de ter escapado da Besta, ele não consegue escapar do guarda que mata ele e agora procura pelo Número Quatro.

E a história do Quatro, é dele mesmo. Como em Jogos Vorazes em que a narração é todinha feita por Katniss, neste livro é toda feita pelo Quatro (o que eu acho melhor, na minha modesta opinião *-*). E ele está pela praia quando recebe sua 3º tatuagem, que avisa que o Número Três está morto. Mas no filme ele recebe uma visão da morte dele, no livro não, únicas visões que ele tem é sobre Lorien, seu planeta que foi dizimado pelos Mogadorianos e que forçou a sair duas naves para a Terra, o planeta habitado mais perto de Lorien.

Quando isso acontece e muita gente vê a tatuagem se formando de maneira bizarra, ele e Henri, seu Cêpan, vão embora para um lugar mais longe e menos habitado possível. Paradise, Ohio. E quem diria que esse nome seria perfeito para Quatro, que agora se chama John Smith ? Ele logo no primeiro dia recebe seu primeiro Legado. Legados são os poderes dos Lorienos, e o primeiro é o fazer luzes com as mãos.



Ele conhece Sarah Hart, e logo fica caidinho por ela. E conhece Sam Goode, que é um amigo todo desajeitado e viciado em histórias de alienígenas, mas ao mesmo tempo, são amigos leais. Digo... Pelo menos Sam é, porque com Sarah a coisa é mais séria. ~

Eles se apaixonam com o tempo, mas tem um problema, os lorieno vivem muito mais que os humanos e logo, seu amor é mais puro e apenas por uma pessoa. Digo, para o resto da vida ele vai amar apenas ela e nem pensar em outra, entende? E o romance que se desenrola na trama é bem bonitinho, fazendo menininhas como a nossa parceira do Livro Apaixonado suspirarem ... Hehe



Mas logo sua identidade é descoberta. Aos poucos Sam consegue descobrir, logo depois que o segundo legado de John se aflora, que é a Telecinésia. Ele salva a vida de Sam e fica contra a parede, mas Sam o tranquiliza mostrando sua lealdade. Já que ele quer descobrir tudo sobre o misterioso desaparecimento de seu pai. 

Mas quanto mais John quer ficar em Paradise, mais o cerco se fecha sobre eles, e eles ficam por volta de 6 meses nessa. Treinamentos e namoros. Até que o incêndio na casa de Mark James, o valentão da Escola, faz John ter que salvar Sarah e os cachorros de Mark em meio a casa incendiada. Ele ficou resistente ao fogo, e com sua resistência, agilidade e força os salva. Mas não fica em vago esse acontecimento e logo muita gente fica sabendo.



E logo, os Mogadorianos chegam à escola para matar Quatro/John mas a número Seis chega junto para ajudá-lo, Henri e Mark aparecem também (Sim, Mark descobre) e muitas reviravoltas acontecem em 50 paginas de pura ação e suspense. Já que o único jeito de escaparem vivos é lutando. 

Nunca fiquei tão empolgado com uma resenha desde a Trilogia Jogos Vorazes, quase entrego o final épico deste livro que no filme também é épico mas não do mesmo jeito. ~ 

E se eu pudesse indicar uma saga (trilogia até agora) que vai fazer muito, mas muito sucesso é essa. A história é intensa, empolgante e misteriosa. Até a participação especial de Bernie Kosar é misteriosa. Além de Legados não contados como Invulnerabilidade ao fogo e falar com os animais e mistérios que ficaram abertos como a escolha que não foi por coincidência de morar em Paradise e muito mais sobre a Arca, aquela caixinha do filme que tem muitas coisas ainda não reveladas. ~ 

Estou correndo atrás pela continuação, O Poder Dos Seis, e quero saber muito mais sobre os Lorienos que espero que consigam nos trazer histórias épicas como esta! See Ya Loriens \õ

2 comentários:

  1. Eu adorei o filme, e sou louca para ler o livro, mas fico com medo de não gostar, porque é o que sempre acontece comigo, quando assisto ao filme antes de ler o livro, exceto por Percy Jackson.
    Mas se é como você disse, metade do livro não ter sido passado no cinema, então acho que vou curtir a leitura.

    ResponderExcluir
  2. Tenho certeza que voce vai adorar ;)
    As continuações são aaainda melhores, então, vale a pena hehe

    Volte sempre \õ

    ResponderExcluir

Seu comentário alimenta nosso blog, então aproveitem esse espaço e digam o que estão achando. :)

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...